Vai tomar banho, mãe

Certamente não faltam sites, blogues, canais de YouTube e revistas especializadas que nos explicam, passo a passo, gota a gota, como dar um banho num bebê. Mas, e nós, mães? Como é que voltamos aos belos e bons banhos em que arriscávamos de Frank Sinatra a nossa própria versão do ainda inexistente Despacito sob aplausos de entusiasmadas espumas e deliciosos aromas?

Pois é, com um bebê em casa, parece que os poucos minutos que temos para o nosso banho precisam ser reduzidos a algo como entrar numa cabine telefônica como Clark Kent para logo em seguida sair como Superman e sem tempo para dar aquela arrematada com gel no cabelo. Mas a verdade é que – ufa! – não precisa ser assim. O #MCP sabe direitinho a importância física e até mesmo psicológica que um bom momento a sós com o chuveiro tem em nossas vidas, por isso preparou dicas especialíssimas para você.

Dica número 1:

Essa você já sabe porque vem de um antigo ditado: a pressa é inimiga da perfeição. Nada de reduzir seu banho a enxágues rápidos, produtos 10 em 1 e risco de tombos e escorregões.

Dica número 2:

Não há problema algum em pedir ajuda! Se você tem o apoio de alguém, não hesite e curta como merece o momento de cuidar de você mesma, o que é importantíssimo fazer também para cuidar de um bebê.

Dica número 3:

Se você não tem quem fique com o bebê quando der a vontade e a necessidade dessa higiene tão fundamental em nosso cotidiano, espere o bebê dormir e o acomode próximo à porta do banheiro, de forma que você possa vigiá-lo enquanto você mesma se permite voltar a ser criança fazendo desenhos no vapor que se condensa nos azulejos.

Dica número 4:

Se seu bebê já for mais crescidinho e teimar em não dormir de forma que você possa colocar em exercício a dica número 3, leve-o para o banho com você e, com auxílio de brinquedos, músicas (aquelas que você voltou a praticar com afinco ou quaisquer outras) e criatividade, mostre a ele o quão divertido é se cuidar.

Dica número 5:

Jamais se esqueça do quão divertido é se cuidar!

Bom banho, mamães!

 

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *