Kodomo no Hi (Dia da Criança no Japão)

Simbologia do Koinobori no Kodomo no Hi (こどもの日)

O Kodomo no Hi (こどもの日, que significa “Dia da Criança”) é um feriado nacional japonês, que acontece anualmente no dia 5 de maio e faz parte do Golden Week (semana dourada). É um dia para comemorar a felicidade das crianças. Foi designado um feriado nacional pelo governo japonês em 1948.

Originalmente era chamado de Tango no sekku [端午の節句] (dia dos meninos), esta data já era celebrada desde a Era Nara. Embora a data hoje em dia seja também conhecida como Dia das Crianças, os costumes continuam praticamente os mesmos e o feriado é voltado principalmente para os meninos.

As meninas também tem seu dia, o Hina-matsuri, ou “Dia das Meninas” que ocorre no dia 3 de março – terceiro dia do terceiro mês, porém ,diferentemente do Kodomo no Hi, o Hina – Matsuri não é considerado feriado Nacional. Nesses pequenos detalhes, percebemos que o Japão continua sendo uma nação que distinguem Homens e Mulheres, dando preferência é claro, para os Homens.
A partir do fim de abril, as famílias expressam o seu respeito pelas crianças e lhes desejam força pendurando o koinobori (鯉幟/こいのぼり) (coloridas carpas em forma de bandeiras) em suas residências, no lado de fora da casa, a uma altura acima da linha do telhado para que todos os kois fiquem visíveis em entorno da casa.

É comum também vê-las penduradas em longas linhas em vários rios e canais em todo Japão e a dimensão dos kois pode variar de alguns centímetros a vários metros. Mas porque a carpa (KOI) se tornou o maior símbolo do Dia dos Meninos?

A lenda das carpas segundo o folclore japonês

O motivo das Carpas simbolizarem o Dia das Crianças é que segundo uma lenda, uma carpa nadou contra uma cachoeira e quando chegou ao topo, transformou-se em um dragão. Isso significa que a carpa pode nadar contra grandes correntezas e isso representa para o povo oriental a força e a coragem que todos devem ter para superar as dificuldades e adversidades da vida.

 

 

Os japoneses acreditam que as carpas trazem sorte, felicidade, saúde e sucesso na vida, ou seja, tudo que um garoto precisa ter para um crescimento saudável.

E vale lembrar que as carpas têm uma ordem certa a serem dispostas: primeiro ficam as flâmulas que NÂO possuem formato de koi, depois vem o koi preto (que representa o pai), em seguida um koi vermelho (que representa o primogênito) e caso houver mais meninos na casa, a ordem é o azul, verde e violeta.

Outras tradições do Kodomo no Hi

Os símbolos deste dia são: o gogatsu ningyô, ou altar, o kabuto, as carpas e os pratos típicos. Como o altar tem um preço elevado e ocupa um espaço muito grande nas casas, o kabuto é utilizado para representar todo o ornamento.

É de costume, nas festas, comer chimaki, bolinho de arroz cozido enrolado na folha de bambu e kashiwamochi, doce feito de arroz com recheio de doce de feijão embrulhado em folhas de carvalho. Nesse dia são feitos diversos Eventos de Undokai (Gincana) nas escolas japonesas, com participação da família.

Também existem músicas folclóricas para este dia, como o seikurabe e koinobori. No ofurô, colocam-se folhas ou essências de íris para afastar os maus espíritos. Os preparativos e adornos para o kodomo no hi começam cerca de uma semana antes e ficam expostos até o dia da festa.

No Japão, a “Golden Week”, é como a “semana do saco cheio” no Brasil. Isso porque o dia cinco finaliza uma série de feriados nacionais. Antes dele têm o dia 3 de maio, quando é comemorado o Dia da Constituição, o dia 4 é o Dia do Verde, e no dia 29 de abril, o aniversário do antigo imperador (Showa).

 

Fontehttp://www.japaoemfoco.com/koinobori-kodomo-no-hi/

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *