Gêmeas sim, mas diferentes

Por Michelle Póvoa Dufour

Sete anos? As duas? Gêmeas???

Sim, mas diferentes!

Uma aprendeu a dar cambalhota antes da outra, que rapidamente mostrou ter uma habilidade diferente, a da liderança. Uma aprendeu o alfabeto e a outra a colorir respeitando o traçado do desenho no papel, sem deixar um risquinho escapar.

Uma é grudada na mãe e a outra tem adoração pelo pai. Uma prefere a cor laranja enquanto a outra gosta mesmo é do azul. Uma pode sair para jantar de pijama se achando a mais bela do mundo e outra faz questão de ir na padaria com roupa de festa e tudo bem combinadinho! Uma dava voltas olímpicas na minha barriga enquanto a irmã cochilava sossegada e só acordava pra comer um docinho (que a gente sempre usa como estratégia antes do ultrassom, sabe?). Ser concebida na mesma hora e nascer com um intervalo de uma piscada de olhos (no meu caso, 120 segundos) não significa ser igual. Pena que muita gente não enxerga isso quando solta: “Nossa, mas esta aqui é tão mais esperta que a outra”! “Esta é mais séria que a irmã, mas elas não são gêmeas”? “Quer dizer que elas não calçam o mesmo número”? Mas esta aqui é maior, não”?

E com o fim do primeiro semestre começa a comparação do boletim. Em Português o X de uma está no conceito “muito bom”, mas e no da outra? Ah, o “muito bom” foi assinalado em trabalhos manuais. Ainda bem que aos 7 anos e numa escola que, na minha visão, está mais do que certa, as meninas ainda não têm nota e nem aquela obrigação de tirar um 10. Aliás, aqui em casa nunca terão porque somos daqueles pais que preferem filhos felizes, estimulados, curiosos e generosos a alunos que ocupam o primeiro lugar do ranking que mede inteligência com uma régua.

Mundo dos múltiplos é uma eterna comparação e nem vou comentar, já comentando, que muitas vezes são chamadas simplesmente de “as gêmeas”. Gente, minhas filhas têm nome, viu? Elisa e Manu, como tantas outras duplas de irmãs, são exclusivamente únicas.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *